Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Trigo entra na fase de floração no RS

Conforme o informativo semanal da Emater, 2% das lavouras estão em floração e 98% em germinação e desenvolvimento vegetativo

7 de agosto de 2020
(Foto: Divulgação/Emater)

O clima dos últimos períodos, com elevação das temperaturas e predomínio de sol no Rio Grande do Sul, favorece o desenvolvimento do trigo, que está com 2% das lavouras em floração e 98% em germinação e desenvolvimento vegetativo. De acordo com o Informativo Conjuntural divulgado pela Emater/RS-Ascar nesta quinta-feira (6), nas regiões de Pelotas, Frederico Westphalen e Santa Rosa as lavouras de trigo estão em desenvolvimento vegetativo.

Na região de Pelotas, há áreas com ciclo atrasado que têm se ressentido com o efeito dos dias frios que vêm ocorrendo, favorecidas pelo aumento gradual da temperatura. Em geral, os cultivos se apresentam bem implantados e com bom estande de plantas.

Canola

Na região de Santa Rosa, o ciclo da canola avança com plantas já entrando em maturação, mas a fase predominante é a floração (68%). As geadas ocorridas em julho, associadas à queda de granizo em algumas áreas, provocaram danos nas lavouras em floração e início da formação da síliqua, o que fez reduzir a expectativa da produtividade média para 1.567 quilos por hectare. Em geral, os cultivos se apresentam com bom estado e bom estande de plantas, e o florescimento proporciona uma linda paisagem.

Aveia branca

Nas regiões de Santa Maria, Ijuí e Frederico Westphalen, a predominância de dias ensolarados favoreceu o desenvolvimento da aveia branca. Na de Santa Maria, 18% das lavouras já chegaram na floração. Na de Ijuí, os cultivos apresentam plantas bem desenvolvidas, evoluindo para o estágio reprodutivo. Já na região de Frederico Westphalen, 80% das lavouras se encontram em enchimento de grãos e em bom estado, com estimativa de produtividade de 2.800 quilos por hectare.

Cevada

Na cevada, nas regionais de Ijuí, Erechim e Frederico Westphalen, predomina a fase de desenvolvimento vegetativo. Na de Ijuí, há preocupação dos produtores com chuvas no período de maturação, pois frustrações em anos anteriores – resultantes do excesso de precipitações – não possibilitaram atingir o padrão de qualidade estipulado pela indústria cervejeira. Na região de Erechim, as lavouras estão sendo monitoradas para realização de tratamentos fúngicos.

Na regional da Emater/RS-Ascar de Frederico Westphalen, 50% das áreas se encontram em fase de emergência e desenvolvimento vegetativo, 20% em floração e 30% em enchimento de grãos. O desenvolvimento da cultura é bom, e a produtividade esperada é de 3.600 quilos por hectare.

Fonte: Emater/RS-Ascar

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2020 ® - Todos os direitos reservados