Simers lança campanha de combate ao exercício ilegal da Medicina – Rádio Alto Uruguai | FM 92,5 – FM 106,1
Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Simers lança campanha de combate ao exercício ilegal da Medicina

O lançamento da campanha ocorreu nesta segunda-feira (9), na sede da entidade

9 de dezembro de 2019
Presidente Marcelo Matias (Foto: Divulgação/Simers)

O exercício ilegal da medicina é crime. Para evitar riscos e danos à saúde dos gaúchos, o Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) realiza ação para a conscientização da sociedade sobre o tema. O lançamento da campanha ocorreu nesta segunda-feira (9), na sede da entidade, com apresentação das peças publicitárias a convidados e jornalistas, seguida de entrevista coletiva para a imprensa.

Com o mote “Somente médicos podem realizar procedimentos médicos”, o Simers busca informar a população em geral sobre os limites éticos e jurídicos das atividades dos profissionais da saúde.

De acordo com a Lei do Ato Médico (nº 12.842/13), diagnóstico, prescrição e execução de tratamentos são de competência exclusiva dos médicos. Não apenas as dúvidas quanto às atividades que tangenciam práticas médicas são focos desta legislação, mas a regulamentação contempla também situações de falsidade ideológica (falsos médicos). A pena para o descumprimento deste item do Código Penal pode chegar à detenção de 6 meses a 2 anos.

“Nosso o objetivo é evitar complicações na saúde de pacientes e até mortes que ocorrem por diagnósticos equivocados ou procedimentos invasivos realizados de forma ilegal por pessoas não habilitadas. Estes pacientes acabam parando nos consultórios médicos e hospitais, em situações, muitas vezes, irreversíveis”, destaca o presidente do Simers, Marcelo Matias.

Desde de 1º de outubro, a entidade médica tem um canal de denúncias à disposição da sociedade por meio do site www.simers.org.br. Algumas destas notificações já foram encaminhadas às autoridades competentes para averiguação. A nova gestão do Simers implementou um núcleo que trabalha de forma ativa promovendo ações para inibir o exercício ilegal da medicina.

Como denunciar

Médicos ou pacientes podem denunciar situações suspeitas de invasão das competências médicas, conforme a Lei do Ato Médico, pelo site www.simers.org.br.

Materiais como fotos ou vídeos podem ser enviados ao email [email protected]

Fonte: Assessoria de Comunicação (Simers)

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados