Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Quatro anos da morte do menino Bernardo serão lembrados em Três Passos

3 de abril de 2018

Na próxima quarta-feira, dia 4 de abril, serão lembrados os quatro anos da morte do menino Bernardo Uglione Boldrini. Um grupo, denominado de Amigas e Amigos do Be, que está mobilizado na cidade desde o ano da tragédia, está preparando ações em memória à criança, assassinada em 2014.

 

As voluntárias, ao longo destes anos, são responsáveis pela limpeza da parte frontal à casa onde Bernardo morava, na rua Gaspar Silveira Martins, no centro de Três Passos. No local, desde a morte do garoto, são colocadas faixas, banners, velas e depositadas flores. Em anos anteriores, manifestações também foram realizadas em frente à residência, a exemplo do que acontecerá em 2018, para lembrar o caso e prestar um tributo ao menino.

 

Nas inscrições das faixas, pedidos por justiça no julgamento do caso e mensagens de carinho à Bernardo, que tinha 11 anos de idade quando foi morto. É o grupo, inclusive, que cuida da reposição dos materiais que são deixados no local.

 

O grupo voluntário, que se reúne periodicamente, já conseguiu realizar doações à casa de passagem Lar Acolhedor, que trabalha com o acolhimento a crianças e adolescentes vítimas ou em risco de violência no ambiente familiar. A entidade é sediada em Três Passos.

 

Doações podem ser encaminhadas
Para esta semana, as pessoas que desejam realizar alguma doação de flores artificiais, ou mesmo para colocação de banner ou faixa em memória ao menino Bernardo, devem entrar em contato com a empresa Ju Moda Íntima, localizada na rua Getúlio Vargas, no centro de Três Passos (fone 3522-2022), próximo à agência da Caixa, onde as ações são coordenadas. Um ato em memória, com orações e vigília, deve acontecer na quarta-feira.

 

Missa em memória a Bernardo acontecerá no dia 15
No dia 15 de abril, será a vez de uma missa em homenagem a Bernardo, que será celebrada na Igreja Matriz Santa Inês, às 8h30min, com transmissão da Rádio 92,5 FM. Bernardo foi catequisando na igreja, tendo concluído a primeira comunhão e inclusive atuado como coroinha em algumas celebrações na igreja.

 

De acordo com o padre Rudinei da Rosa, nesse mesmo dia 15 estará sendo lançado o projeto “Agora e na hora da nossa vida”, que será desenvolvido pelo grupo de jovens que integram a paróquia Santa Inês e que estará reunindo orientações da Pastoral, da Campanha da Fraternidade e do Caso Bernardo, a fim de sensibilizar as famílias de que casos como esses, de agressão e até mesmo morte de crianças, não pode ser repetido. As ações envolverão, inclusive, visitas a escolas, para um trabalho de aproximação e diálogo.

 

Para o padre Rudinei, “o papel da igreja não é o de julgar, mas sim de refletir sobre a situação de violência social enfrentada pela comunidade em seu dia a dia”.

 

Rádio Alto Uruguai

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2020 ® - Todos os direitos reservados