Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Polícia Civil indicia seis pessoas por assalto ao Cartório de Registros Públicos de Humaitá

Investigações foram concluídas e inquérito remetido à Justiça. Mandantes do crime são detentos do Presídio Estadual de Três Passos

7 de outubro de 2021
Indivíduos detidos foram encaminhados ao presídio estadual de Três Passos. (Foto: Polícia Civil)

A Polícia Civil indiciou seis pessoas por envolvimento no assalto ao Cartório de Registros Públicos de Humaitá. As investigações do crime ocorrido no último dia 13 de setembro foram concluídas e o inquérito remetido à Justiça. O trabalho foi coordenado pelo delegado Marion Volino. A investigação apontou que dois detentos do Presídio Estadual de Três Passos foram os mentores da ação. Eles foram indiciados por roubo e organização criminosa. Os outros quatro indiciados devem responder pelo crime de roubo.

Conforme o delegado Marion, três indivíduos foram os responsáveis por executar o roubo, sendo que dois deles invadiram o cartório armados e o terceiro atuou como motorista do veículo utilizado no transporte até Humaitá e fuga da cidade. O sexto indiciado é um homem que ficou responsável pelo levantamento de informações sobre o local, tais como endereço, número de funcionários, horário mais adequado para o assalto e valores que poderiam ser levados.

De acordo com a Polícia Civil, o homem que fez o levantamento é oriundo de Crissiumal, mas atualmente residia em Humaitá e utilizava tornozeleira eletrônica. Um dos assaltantes é oriundo da cidade de Santo Ângelo e os demais envolvidos são de Três Passos.

Mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão foram cumpridos nesta quinta-feira (7)

Nesta quinta-feira (7), agentes das Delegacias de Polícia de Três Passos e Humaitá, com apoio da Brigada Militar, cumpriram cinco mandados de prisão preventiva e dois de busca e apreensão expedidos pelo Poder Judiciário. Dos seis indiciados, quatro já se encontravam recolhidos no Presídio Estadual de Três Passos.

Um havia sido preso em flagrante pelo roubo na data do crime. O outro suspeito preso no mesmo dia foi detido, inicialmente, por tráfico de drogas. No entanto, a investigação confirmou que os dois foram os responsáveis por executar o assalto.

Os detentos que planejaram a ação já cumprem pena em regime fechado por outros crimes. Os outros dois indiciados foram recolhidos nesta quinta-feira (7) durante o cumprimento dos mandados de prisão preventiva em Humaitá e Três Passos.

Por meio dos mandados de busca e apreensão, a polícia tentou localizar mais alguns objetos roubados das vítimas e coletar provas, mas, segundo o delegado, nada adicional foi apreendido.

Câmeras de segurança flagraram a ação dos bandidos. (Foto: Reprodução)

Delegado acredita que assaltantes não esperavam ser identificados 

O Cartório de Registros Públicos de Humaitá foi assaltado por volta das 10h20 do último dia 13 de setembro, uma segunda-feira. Dois criminosos, armados com revólveres, renderam o proprietário, dois funcionários e dois clientes que estavam no local. As vítimas foram trancadas em uma sala de arquivo nos fundos do cartório.

Os bandidos depois fugiram levando uma quantia em dinheiro, joias e cinco celulares. Quatro aparelhos e parte do dinheiro foram recuperados pela polícia. Ninguém ficou ferido. As vítimas conseguiram sair da sala onde foram trancadas por uma porta dos fundos. Os bandidos agiram de cara limpa. Câmeras de monitoramento flagraram a ação.

O delegado Marion Volino acredita que os criminosos escolheram assaltar o cartório por possuírem informações privilegiadas sobre o local e considerarem um alvo fácil. O fato de terem agido de cara limpa, segundo o delegado, sugere que eles pensavam que não seriam identificados. No entanto, as imagens de câmeras de monitoramento do estabelecimento e de locais próximos foram fundamentais para identificação dos suspeitos.

Pela organização demonstrada, Marion acredita que possivelmente outros crimes seriam praticados pelo grupo na região. Eventual ligação do roubo com o financiamento do tráfico de drogas é investigada em outro procedimento policial.

 

*Atualizada em 08/10/21, à 8h12min.

Fonte: Rádio Alto Uruguai

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2021 ® - Todos os direitos reservados