Nilton Ferreira conquista o bicampeonato do Carijo com a música “Enquanto Atava seu Lenço” – Rádio Alto Uruguai | FM 92,5 – FM 106,1
Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

MANCHETES

Nilton Ferreira conquista o bicampeonato do Carijo com a música “Enquanto Atava seu Lenço”

Letra de Igor Silveira emocionou o público, contando a vivência que teve nos últimos momentos com seu avô, através do lenço maragato

27 de maio de 2019
Composição "Enquanto Atava seu Lenço" recebe a premiação maior do 34º Carijo da Canção Gaúcha, em Palmeira das Missões (Foto: Carine Zandoná Badke/Carijo/Divulgação)

Encerrou na madrugada desta segunda-feira (27) a 34ª edição do Carijo da Canção Gaúcha, em Palmeira das Missões, um dos principais e mais respeitados festivais da música nativista gaúcha.

A quarta noite de festival, denominada como ronda, teve a participação de 14 músicas finalistas, quatro delas da fase local e dez da fase geral. Os jurados tiveram trabalho para premiar as melhores composições, em 12 categorias.

O primeiro lugar ficou para Enquanto Atava seu Lenço, interpretada por Nilton Ferreira. A composição, um rasguido doble, teve letra de Igor Silveira e melodia do próprio Nilton Ferreira, recebendo o troféu Soldado Pé no Chão, além de 10 mil reais. Uma canção que emocionou o público, pois o autor da letra contou em poesia a relação que teve com o seu próprio avô, relatando as vivências que rememoraram em sua mente no momento em que deu o último nó no lenço maragato de seu tão importante familiar, quando este havia falecido.

O segundo lugar foi para a milonga denominada Sacrossanto Chimarrão, interpretada por Alana Moraes, com letra e melodia de seu pai, Aurélio Moraes, um dos maiores poetas de Palmeira das Missões, que foi reverenciado pelo público, recebendo o troféu Tarefeiro e 7 mil reais. A mesma composição ganhou outros dois prêmios (música mais popular e melhor composição sobre a temática da erva-mate), sendo o grande destaque deste festival.

O terceiro lugar ficou para a música Boinita, interpretada por Marcelo Oliveira. A chamarra tem letra de Helvio Luis Casalinho e Eduardo Muñoz, com melodia de Joca Martins, e recebeu o troféu Erva-Mate, além da premiação de 4 mil reais. A composição conta a relação do gaúcho com a boina, um dos itens tradicionais da pilcha sul-riograndense.

Composições com músicos da região Celeiro tiveram premiações

Destaque para duas composições que tiveram músicos da região Celeiro como protagonistas: a música “O Sumo da Vida”, com letra de Alixandre de Lima, de Redentora, venceu o troféu Palmeira das Missões, como melhor tema ecológico, além de receber prêmio de 500 reais.

Também a composição “Palmeira do Tempo”, que foi interpretada e tem melodia do três-passense Atahualpa Maicá, venceu o troféu Mozart Pereira Soares, como melhor trabalho sobre a história de Palmeira das Missões, além de receber 500 reais. A premiação foi recebida pelo autor da letra, Ismael Vannini, de Francisco Beltrão (PR).

Demais premiações do 34º Carijo

Como melhor intérprete do festival foi escolhido Nilton Ferreira, pela interpretação da música vencedora desta edição do Carijo, Quando Atava seu Lenço. O cantor recebeu o troféu Cevadura, além de R$ 500,00.

Como melhor instrumentista foi escolhido o músico Diogo Barcelos, com participação na música Milonga de Eugênia Guedes. Ele recebeu o trofeú Sapecador, além de R$ 500,00.

A mesma composição, Milonga para Eugênia Guedes, também recebeu o prêmio de melhor arranjo instrumental, recebendo o troféu Cancheador, além de R$ 500,00.

O melhor arranjo vocal foi para o Grupo Chão de Areia, que interpretou a composição O Caçador de Ventos. O grupo recebeu o troféu Soque de Erva-Mate e R$ 500,00.

Já o prêmio de melhor trabalho poético ficou para a grande campeã do festival: a composição Enquanto Atava seu Lenço, com letra de Igor Silveira, que recebeu o troféu Carijo, além do prêmio de R$ 500,00.

17º Carijinho demonstra a renovação da música nativista

Também no domingo aconteceu o 17º Carijinho, que abre espaço para os jovens talentos da música nativistas, em um importante trabalho de renovação.

Na categoria Piá, o primeiro lugar ficou com Matheus Pimentel Nunes, de Santiago, que interpretou o chamamé Ringindo Bastos.

Já na categoria Piazote, o primeiro lugar ficou com Juan Winz, de Santana do Livramento, que interpretou um rasguido, denominado Mango Carneador.

Como melhor instrumentista do Carijinho, na categoria Piazote, foi escolhido Matheus de Camargo.

Já a destaque da categoria Piazote foi a intérprete Júlia Almeida, de Novo Hamburgo, com a canção O perfume do teu poncho.

O Carijinho deste ano teve um show especial no domingo a tarde: Luiza Barbosa Dias, a gaúcha de Sapiranga, finalista do programa The Voice Kids, esteve se apresentando para o público regional.

CONFIRA OS RESULTADOS COMPLETOS DO 34º CARIJO:

Primeiro Lugar

Troféu Soldado Pé-no-Chão e R$ 10.000,00

ENQUANTO ATAVA SEU LENÇO

Segundo Lugar

Troféu Tarefeiro e R$ 7.000,00

SACROSSANTO CHIMARRAO

Terceiro Lugar

Troféu Erva-Mate e R$ 4.000,00

BOINITA

Melhor Intérprete

Troféu Chimarrão e R$ 500,00

NILTON FERREIRA – ENQUANTO ATAVA SEU LENÇO

Melhor Instrumentista

Troféu Sapecador e R$ 500,00

DIOGO BARCELOS – MILONGA DE EUGENIA GUEDES

Melhor Arranjo Instrumental

Troféu Cancheador e R$ 500,00

DIOGO BARCELOS – MILONGA DE EUGENIA GUEDES

Melhor arranjo vocal

Troféu Soque de Erva R$ 500,00

GRUPO CHÃO DE AREIA – O CAÇADOR DE VENTOS

Melhor trabalho poético

Troféu Carijo e R$ 500,00

ENQUANTO ATAVA SEU LENÇO

Melhor trabalho sobre a história de Palmeira das Missões:

Troféu Mozart Pereira Soares e R$ 500,00

PALMEIRA DO TEMPO

Melhor Tema Ecológico

Troféu Palmeira das Missões e R$ 500,00

O SUMO DA VIDA

Música mais popular

Troféu Rio Guarita e R$ 500,00

SACROSSANTO CHIMARRÃO

Melhor composição sobre a temática da erva-mate

Troféu Cevadura e R$ 500,00

SACROSSANTO CHIMARRÃO

Fonte: Rádio Alto Uruguai

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados