Grande número de candidatos a vagas de emprego chama a atenção em Três Passos – Rádio Alto Uruguai | FM 92,5 – FM 106,1
Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Grande número de candidatos a vagas de emprego chama a atenção em Três Passos

Uma enorme fila se formou, tanto na quarta como nesta quinta-feira, por dezenas de pessoas buscando uma das vagas ofertadas pelo Super Colono, que inaugura em outubro na cidade

17 de maio de 2018
Desemprego é um dos temas que mais atormenta os brasileiros na atualidade (Fotos: Maiara Räder / Rádio Alto Uruguai)

A alta taxa de desemprego é um dos problemas estruturais mais graves do Brasil no atual momento. Não é diferente na região Celeiro. Esta semana, na quarta e quinta-feira, por exemplo, o Senac Três Passos está recebendo dezenas de pessoas interessadas em vagas que estão sendo disponibilizadas por um novo empreendimento comercial que será inaugurado na cidade, no segundo semestre. Uma enorme fila se formou em parte da Rua Dom João Becker, próximo à praça, desde as primeiras horas da manhã, refletindo o que está sendo sentido em todo o país.

Os candidatos estão entregando seus currículos e buscam conseguir alguma das vagas que estão sendo disputadas: frente de caixa, reposição, padaria, confeitaria, açougue, motorista, limpeza, setor de hortifrúti, lanchonete e segurança. As vagas são ofertadas pelo Super Colono, supermercado que deve inaugurar sua loja em Três Passos, no mês de outubro, na Avenida Costa e Silva, tendo sua matriz na cidade vizinha, de Tenente Portela. Além do mercado, funcionará no mesmo complexo a loja Trapo Fino, que também está ofertando vagas para seu setor de vendas. Os currículos podem ser entregues no Senac, até as 18h30min desta quinta-feira. Maiores informações pelo fone 55 3551-2421.

Qualificação de mão de obra como fator decisivo

É nesse momento que a qualificação da mão de obra pode fazer a diferença na disputa por vagas tão concorridas. O Senac Três Passos, por exemplo, está promovendo o curso de operador de supermercado. As aulas iniciam no dia 5 de junho e os encontros acontecem nas terças e quintas-feiras, das 19h15 às 22h15.

O objetivo do curso é preparar o participante para trabalhar com o público, conhecer e dar informações sobre os produtos comercializados, atender as demandas internas de abastecimento de mercadorias e movimentação de pontos de venda e estoques.

Com carga horária de 160 horas, o curso tem como pré-requisitos a idade mínima de 16 anos e o Ensino Fundamental incompleto. Inscrições para o curso podem ser feitas pelo site: www.senacrs.com.br/trespassos, ou presencialmente no Senac Três Passos, localizado na rua Dom João Becker, nº 310. Mais informações pelo telefone (55) 3522-9202.

Em uma crise nacional, RS é o segundo estado onde menos falta emprego, aponta IBGE

O Rio Grande do Sul é o segundo estado do Brasil onde menos faltou emprego neste primeiro trimestre de 2018. Em pesquisa divulgada nesta quinta-feira (17), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que a taxa de subutilização da força de trabalho do Estado é uma das menores do país: enquanto em nível nacional, o índice ficou em 24,7% – a maior desde 2012 – o do RS fechou em 15,5%.

A menor taxa é de Santa Catarina (10,8%), seguida pelo Rio Grande do Sul (15,5%), Mato Grosso (16%) e Paraná (17,6%). Os maiores índices são dos estados do Nordeste: Bahia (40,5%), Piauí (39,7%), Alagoas (38,2%) e Maranhão (37,4%).

O indicador inclui a taxa de desocupação, a taxa de subocupação por insuficiência de horas e a taxa da força de trabalho potencial – pessoas que não estão em busca de emprego, mas estariam disponíveis para trabalhar. A taxa combinada de subocupação por insuficiência de horas trabalhadas e desocupação foi de 19,1% no primeiro trimestre de 2018. Havia, segundo o IBGE, o equivalente a 6,2 milhões de trabalhadores subocupados por insuficiência de horas trabalhadas e 13,7 milhões de desocupados. No quarto trimestre de 2017, o indicador tinha ficado em 18%.

O dado inclui as pessoas ocupadas com uma jornada inferior a 40 horas semanais que gostariam de trabalhar por um período maior, somadas às pessoas que buscam emprego. Já a taxa combinada da desocupação e da força de trabalho potencial – que abrange as pessoas que gostariam de trabalhar, mas não procuraram trabalho, ou que procuraram, mas não estavam disponíveis para trabalhar (força de trabalho potencial) – foi de 19,2% no primeiro trimestre, o que representa 21,5 milhões de pessoas nessa condição. No quarto trimestre de 2017, essa taxa estava em 17,8%.

 

Fonte: Rádio Alto Uruguai

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados