Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Fundação Marcopolo e Sedac-RS lançam edital de R$ 20 milhões

Com recursos oriundos da Lei nº 14.017/2020, a Lei Aldir Blanc, o objetivo é selecionar projetos de pesquisa, criação, formação e qualificação

15 de janeiro de 2021

Com um orçamento previsto de R$ 20 milhões, o Edital Criação e Formação – Diversidade das Culturas, realizado pela Secretaria de Estado da Cultura em parceria com a Fundação Marcopolo, foi lançado na terça-feira (12). Com recursos oriundos da Lei nº 14.017/2020, a Lei Aldir Blanc, o objetivo é selecionar projetos de pesquisa, criação, formação e qualificação. O edital é destinado às áreas do audiovisual, artesanato, artes visuais, circo, culturas populares, cultura viva, dança, diversidade, linguística, livro, leitura e literatura, música, teatro, memória e patrimônio, e museus.

Configurando-se num dos maiores editais de cultura do Rio Grande do Sul, o Edital Criação e Formação – Diversidade das Culturas manterá suas inscrições abertas a partir das 10h desta terça-feira, pelo período de 12 a 26 de janeiro, em formulário online, disponibilizado no site da Fundação Marcopolo (www.fundacaomarcopolo.com.br).

Buscando capilaridade, representatividade e abrangência, a distribuição dos recursos destinados por meio da Chamada Pública 12/2020 será equânime, feita pela Fundação em todo o Rio Grande do Sul, contemplando cotas sociais, por áreas e segmentos, respaldados pela distribuição demográfica da população do RS COREDES – Conselhos Regionais de Desenvolvimento. O edital terá pontuação específica para Diversidade e, nos projetos de Pessoa Física, 50% para cotas sociais.

Uma das novidades no formato do Edital são as ações de busca ativa e desburocratização. Nesse sentido, a meta é facilitar ao máximo todos os processos da inscrição on-line, bem como o contato pessoal com um técnico-responsável, batizado de Anjo. Ele será indicado pela Fundação para atender cada região do Estado. Os anjos farão a busca ativa e auxiliarão na inscrição de projetos. Posteriormente, acompanharão a execução e fiscalizarão os selecionados.

Luciano Balen, coordenador do Edital Criação e Formação – Diversidade das Culturas, acredita no potencial desta proposta. ”Estamos propondo uma forma criativa para lidar com as emergências destes tempos. Facilitar o processo, da inscrição à prestação de contas, é abrir livre acesso a todas as regiões, mas também é uma forma de incluir aqueles que nunca participam”, diz, acrescentando: “O Rio Grande do Sul é um Estado único em sua diversidade cultural; é o encontro do pampa latino-americano com o tropical brasileiro, da cultura do Interior, muitas vezes ainda rural, com um urbano contemporâneo das grandes cidades”.

A implementação deste Edital destaca a importância institucional da Fundação Marcopolo que, há muito, realiza, apoia e patrocina projetos na Serra Gaúcha e nos estados Espírito Santo e Rio de Janeiro, estando ligada a uma empresa com presença mundial, com ferramentas de governança, transparência e com contas aprovadas junto ao Ministério Público.

Nos últimos 10 anos, a Fundação Marcopolo selecionou mais de 100 projetos através de Leis de Incentivo à Cultura municipais e federais, além de patrocínio direto. A instituição integra o COMDICA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

“Nosso objetivo, como Fundação, é fazer com que esses recursos cheguem a todos os cantos, promovendo desenvolvimento cultural. A cultura, os costumes; da forma de vestir e cantar, ao sotaque e a culinária; é isso que nos une como Estado”, diz Leandro Basso, diretor da Fundação Marcopolo.

A Fundarte – Fundação Municipal de Artes de Montenegro será parceira do Edital e contribuirá na seleção e acompanhamento dos projetos. As redes sociais da Fundação também servirão para repasse e atualizações das informações e andamento do Edital.

Fonte: Marcopolo

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2021 ® - Todos os direitos reservados