Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Duas pessoas ficam feridas em acidente envolvendo três veículos no trevo de Esquina Boa Vista

Veículo Santana e dois caminhões estiveram envolvidos na colisão. Ocupantes do automóvel foram encaminhados ao hospital

27 de agosto de 2020
Trevo dá acesso ao município de São Martinho (Fotos: Ivan Scheuermann / Ouvinte / Rádio Alto Uruguai)

Um acidente de trânsito envolvendo três veículos, foi atendido por volta das 14 horas desta quinta-feira (27), no trevo de Esquina Boa Vista, em Campo Novo, no entroncamento da BR 468 com a ERS 210, no acesso à São Martinho.

Um veículo Santana, que trafegava no sentido São Martinho-Campo Novo, pela ERS 210, faria a conversão à esquerda no trevo, mas acabou cortando a frente de um caminhão Volkswagen, que transitava no sentido Campo Novo-Santo Augusto, pela BR 468. Com a colisão, o VW atravessou a rodovia e acabou atingindo um outro caminhão, Ford Cargo, que vinha na direção contrária (sentido Santo Augusto-Campo Novo).

O condutor do veículo Santana foi socorrido por uma ambulância da Prefeitura de São Martinho, e uma caroneira do veículo, foi socorrida por equipe do Samu. Ainda não há informações oficiais sobre o estado de saúde das duas pessoas, nem para qual hospital foram encaminhadas.

Os condutores dos dois caminhões envolvidos, tiveram apenas escoriações leves, sem necessidade de socorro médico.

Trevo possuía controladores de velocidade até o final de 2018, quando foram retirados pelo DNIT

No trevo em que aconteceu o acidente, na tarde desta quinta-feira, no período entre 2016, até o final de 2018, haviam dois controladores de velocidade, em ambos os sentidos da BR 468, garantindo maior segurança e uma redução praticamente de 100% dos acidentes de trânsito no local.

A superintendência do DNIT chegou a divulgar, em 2019, que os equipamentos seriam reinstalados até o final do mês de outubro daquele ano, mas até o momento, toda a extensão da BR 468, entre Palmeira das Missões e Tiradentes do Sul, segue sem nenhum equipamento que ajude na redução de velocidade em pontos críticos e perigosos, onde historicamente há um número elevado de acidentes.

Fonte: Rádio Alto Uruguai

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2020 ® - Todos os direitos reservados