Cotricampo e Cotrimaio representadas em missão que visita o Vale do Silício em busca de inovação e novas tecnologias – Rádio Alto Uruguai | FM 92,5 – FM 106,1
Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Cotricampo e Cotrimaio representadas em missão que visita o Vale do Silício em busca de inovação e novas tecnologias

Comitiva com representantes de 25 entidades estão concluindo nesta sexta-feira as atividades nos Estados Unidos

13 de setembro de 2019
Comitiva do cooperativismo gaúcho em uma das agendas nos Estados Unidos (Foto: Sistema Ocergs/Sescoop)

Em busca de inovação e novas tecnologias, 25 cooperativas gaúchas viajaram no último final de semana para o Vale do Silício, nos Estados Unidos. O grupo, liderado pela Faculdade de Tecnologia do Cooperativismo (Escoop), faz a segunda missão ao berço das startups — no fim de abril, entidades do setor médico e odontológico visitaram empresas que trabalham nesses ramos. Desta vez, cooperativas do setor agropecuário é que estão em busca de novidades que possam ser aplicadas no Estado.

Representando a Cotricampo está o gerente de TI, Adriano Blau. O roteiro que segue até esta sexta-feira, incluiu empresas como Netflix e Amazon, além de universidades como a Singularity e Stanford. O diretor presidente da Cotrimaio, Silceu Dalberto, também integra a missão.

“A expectativa é bastante grande, porque nós estamos participando dessa missão com as cooperativas agropecuárias, que representam a maior expressão econômica no Rio Grande do Sul, assim como também no Brasil”, destaca José Máximo Daronco, coordenador de pesquisa, ensino e extensão da Escoop.

Para Daronco, é uma oportunidade para as cooperativas do setor conhecerem “esse ambiente de inovação que está trazendo a grande transformação para o agronegócio não só nos Estados Unidos, mas no mundo inteiro”.

Diretor-executivo da Cooperativa Santa Clara, Alexandre Guerra ressalta que a missão vai ajudar a entender ainda mais os processos de inovação do setor. “Para que se possa aplicar no nosso dia a dia nas nossas cooperativas em busca dos diferenciais competitivos. Para poder entender o mercado globalizado e poder sair na frente e acompanhar os processos evolutivos e tecnológicos”, projeta Guerra.

Darci Hartmann, diretor da Organização das Cooperativas do Rio Grande do Sul (Ocergs), explica que os técnicos que acompanham a missão vão auxiliar as cooperativas na busca por novidades. “Acreditamos que as tecnologias que vão nos disponibilizar, as discussões que vamos conseguir fazer, vão ser de fundamental importância para que nós possamos realmente começar, na volta, a fazer uma discussão entre nós e buscar essas questões da aplicabilidade. Temos que tratar as plataformas, e-commerce, esses desafios novos de comercialização e a relação com o cliente”, argumenta o dirigente.

Nessa mesma linha vai Paulo Pires, presidente da Federação das Cooperativas do Rio Grande do Sul (Fecoagro). “Nós achamos que existe um mundo novo, cheio de transformações. E o agronegócio e suas cooperativas não podem ficar alheios a isso. As cooperativas querem estar totalmente juntas a essas inovações”, destaca.

A Escoop ainda organiza uma terceira missão ao Vale do Silício, que ocorrerá no fim de setembro, e levará representantes de cooperativas de crédito.

Fonte: Rádio Alto Uruguai (com informações do site GaúchaZH)

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados