Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Corsan assina aditivos contratuais com 74 municípios gaúchos, incluindo três da região Celeiro

Com os aditivos, os contratos passam a ter vigência até 2062

17 de dezembro de 2021
Três municípios da região Celeiro estão na lista dos que assinaram aditivos contratuais (Foto: Arquivo)

A Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) anunciou na quinta-feira (16) que assinou aditivos contratuais com 74 municípios gaúchos. Deste total, nove estão entre os 10 maiores contratos da companhia. Com a assinatura, os municípios vão receber uma parcela do capital da Corsan no contexto da pretendida desestatização. O percentual do faturamento total representado por esses municípios representa aproximadamente 52%, e o prazo médio dos contratos (ponderado pelo faturamento) agora é de 30 anos.

Três municípios da região Celeiro estão na lista dos que assinaram aditivos contratuais: Inhacorá, Redentora e Tenente Portela.

Com os aditivos, os contratos passam a ter vigência até 2062. Essa prorrogação atende a uma das adequações previstas no Marco Legal do Saneamento. Isso porque as cidades precisarão atingir as metas de universalização e de qualidade na prestação de serviços de abastecimento de água e de esgotamento sanitário.

A Corsan atende a 317 municípios gaúchos. O governo do Estado apresentou neste ano projeto à Assembleia para privatizar a companhia, o que foi aceito pelos deputados estaduais. O Executivo trabalha com a possibilidade de vender ações da Corsan na Bolsa de Valores.

Região Celeiro decidiu, em conjunto, não assinar os aditivos

Na última quarta-feira (15), os prefeitos dos municípios integrantes da Amuceleiro estiveram reunidos para uma decisão conjunta a respeito da questão da Corsan. O grupo decidiu pela não assinatura dos novos contratos propostos pela companhia. Porém, três municípios da região Celeiro já haviam assinado os termos, antes desta decisão regional: Inhacorá, Redentora e Tenente Portela. Os demais municípios garantiram que não assinarão os contratos da forma como estão propostos.

Por ordem de representatividade de faturamento, assinaram os seguintes municípios: Canoas, Santa Maria, Gravataí, Passo Fundo, Rio Grande, Alvorada, Viamão, Cachoeirinha, Bento Gonçalves, Esteio, Santa Rosa, Tramandaí, Alegrete, Cruz Alta, Gramado, Montenegro, Vacaria, Imbé, São Borja, Sapiranga, Osório, Panambi, Dom Pedrito, Taquara, Estância Velha, Eldorado Do Sul, Estrela, Rio Pardo, Santo Antônio Da Patrulha, Arroio Do Sal, São Jerônimo, Balneário Pinhal, Encruzilhada Do Sul, Três Coroas, Nova Petrópolis, Nova Hartz, Tupanciretã, Júlio De Castilhos, Triunfo, Rolante, São José Do Norte, Bom Retiro Do Sul, Tenente Portela, Salto Do Jacuí, Agudo, Palmares Do Sul, Glorinha, Chapada, Faxinal Do Soturno, General Câmara, Terra De Areia, Condor, Cambará Do Sul, Barracão, Erval Seco, Pejuçara, Redentora, Mostardas, Mata, Dona Francisca, Santa Maria Do Herval, Vila Nova Do Sul, Aceguá, Paverama, Áurea, Marques De Souza, Inhacorá, Mariano Moro, Barão Do Triunfo, Dilermando De Aguiar, Tavares, São José Do Herval, Rio Dos Índios e Itapuca.

 

*Atualizada em 20/12/21, às 09h43min

Fonte: Rádio Alto Uruguai - com informações da Rádio Guaíba

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2021 ® - Todos os direitos reservados