Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Começa manejo de açudes e tanques para despesca na Semana Santa

Chuvas ocorridas e a diminuição das temperaturas já amenizaram os efeitos da estiagem, mas, em algumas regiões, ainda há necessidade de maiores precipitações para restabelecer os níveis dos viveiros e mananciais

9 de abril de 2022
(Foto: Divulgação/Emater/RS-Ascar)

Em todo o Estado, os piscicultores estão iniciando o manejo dos açudes e tanques visando à despesca para comercialização durante o período da Semana Santa. De acordo com o Informativo Conjuntural, publicado e divulgado na última quinta-feira (7) pelas gerências de Planejamento e Comunicação da Emater/RS-Ascar, as chuvas ocorridas e a diminuição das temperaturas já amenizaram os efeitos da estiagem, mas, em algumas regiões, ainda há necessidade de maiores precipitações para restabelecer completamente os níveis dos viveiros e dos mananciais.

Na regional de Lajeado, o efeito de queda das temperaturas já está limitando o consumo de alimento pelas tilápias. Da mesma forma, na regional de Erechim, o excesso de dias nublados está influenciando, de forma negativa, no crescimento dos peixes. Na regional de Passo Fundo, os piscicultores mantêm o arraçoamento naqueles açudes com maior adoção de nível tecnológico, porém há a preocupação com a elevação dos custos de produção em virtude do aumento do preço das rações empregadas na atividade.

Pesca Artesanal

Na regional da Emater/RS-Ascar de Santa Rosa, as chuvas recorrentes da semana causaram forte impacto no nível do rio Uruguai, que chegou a 7,60 metros de profundidade no Porto de Garruchos, mas já reduziu para 3,67 metros. Essa condição de variação do nível do rio de forma abrupta dificulta a pesca e mantém a escassez de pescado município.

Na regional de Pelotas, em Arroio Grande e Jaguarão, a Lagoa Mirim continua com volumes capturados abaixo do esperado, sendo muito escassa a captura da traíra. Essa queda na pesca prejudicará a quantidade de pescado a ser comercializado na Semana Santa. Em Pelotas, também houve queda de captura devido à mudança do sentido do vento.

Grãos

A colheita da soja já chega a 34% no Estado, sendo que outros 47% está em fase de maturação, 15% em enchimento de grãos e 4% ainda em floração. A sequência de chuvas ocorridas nas regiões aumentou a umidade nas lavouras, impedindo, em algumas localidades, a entrada de máquinas. A desuniformidade na maturação dos cultivos tem se mantido presente, o que tem feito os produtores adotarem o uso de dessecantes em pré-colheita para auxiliar na operação.

A colheita do milho avançou de forma mais lenta no Estado e chegou a 79%, em grande medida, devido ao aumento da umidade provocada pelas chuvas da semana, que impossibilitaram os produtores de entrar com as máquinas em muitas lavouras. Outros 11% estão em maturação, 6% em enchimento de grãos, 3% em floração e 1% em germinação e desenvolvimento vegetativo.

Fonte: Emater/RS-Ascar

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2022 ® - Todos os direitos reservados