Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Clima favorece implantação de lavouras de milho no RS

3 de abril de 2018

Com o solo em umidade ideal para a semeadura, segue o plantio do milho no Rio Grande do Sul. Da área total prevista a ser implantada no Estado (731,5 mil ha), estima-se que 34% já foram implantados, contra uma média de 20% para o período.

 

De acordo com o Informativo Conjuntural da Emater/RS-Ascar, a totalidade das lavouras de milho se encontra nas fases de germinação e desenvolvimento vegetativo. Em determinadas áreas, algumas primeiras plântulas já apresentam sintomas de ataque de pragas, mesmo com aplicação de inseticida nas sementes.

 

Na soja, os produtores dão continuidade ao planejamento da cultura e ênfase na aquisição de insumos. Manejo químico das primeiras áreas a serem cultivadas no princípio de outubro, iniciando revisões e intensificando regulagem das plantadeiras.

 

As condições climáticas no momento também beneficiam os orizicultores, que preparam o solo para a implantação e limpam os canais de irrigação e drenagem, melhorando o acesso às lavouras, inclusive com taipas prontas, possibilitando a realização do plantio na época correta/ideal de semeadura ou até mesmo sua antecipação.

 

Culturas de inverno

 

No trigo, a cultura evolui para o estádio reprodutivo, entre a floração e o enchimento de grãos. Apesar da boa aparência das lavouras, as espigas se apresentam pequenas, com baixo número de espiguetas e, em alguns casos, com grãos malformados. Produtores realizam a segunda aplicação de fungicida, havendo necessidade de mais uma aplicação de inseticida devido ao aumento da incidência de pulgões.

 

Na região das Missões, segue o registro de ocorrência de perdas (COPs), já somando mais de 220 delas. Segundo técnicos dessa região, a tendência, ao se aproximar a época de colheita do trigo, é que aumente o número de COPs, abrangendo praticamente todos os municípios da região.

 

As fases das lavouras de canola no Estado se encontram distribuídas na seguinte proporção: 20% em floração, 67% em enchimento de grãos, 10% em maturação e 4% colhidos. O aspecto geral das lavouras é considerado ruim na maioria dos casos, devido à baixa população de plantas cultivadas e às falhas no enchimento de grão (grão chocho). Muitas lavouras apresentam os dois estádios distintos de desenvolvimento (floração e enchimento de grãos) na mesma gleba, evidenciando possíveis perdas na cultura.

 

Também é considerado ruim o aspecto geral das lavouras de aveia branca, com plantas de porte pequeno, devido ao longo período com baixa umidade do solo no final de junho e durante todo mês de julho. A expectativa de produtividade poderá ter redução de até 50% sobre a inicial, mas esta medida ainda depende de avaliação final das equipes municipais. Há solicitação de Proagro de algumas lavouras devido à péssima expectativa de produção.

 

*Fonte: Emater RS/Ascar

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2020 ® - Todos os direitos reservados