Cinco homens são presos com armas de uso exclusivo da PF e do Exército em Cruz Alta – Rádio Alto Uruguai | FM 92,5 – FM 106,1
Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

MANCHETES

Cinco homens são presos com armas de uso exclusivo da PF e do Exército em Cruz Alta

Polícia suspeita que armamentos tenham sido contrabandeados do Paraguai

13 de outubro de 2018
O grupo estava em um Honda City, com placas de Caxias do Sul, e foi abordado na RS-342 - Foto: PRF/Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal prendeu, no final da manhã desta sexta-feira (12) em Cruz Alta, no noroeste do estado, cinco homens com armas de uso exclusivo da Polícia Federal e do Exército. Eles portavam duas pistolas Glock 9mm e três carregadores, totalizando 100 munições. Com o bando, havia ainda um revólver calibre 38 e uma arma falsa, além de pequena porção de maconha.

O grupo estava em um Honda City, com placas de Caxias do Sul, e foi abordado na RS-342. A PRF acredita que os suspeitos fazem parte de uma quadrilha de assaltantes de banco. Eles  teriam fugido de uma abordagem na última terça-feira (09), em Santo Antônio das Missões, segundo o inspetor Alessandro Castro, Chefe de Comunicação Social da PRF.

— São as mesmas características dos que fugiram na segunda-feira, tanto o carro como a descrição dos homens — afirma Castro.

Na abordagem do dia 9, Fábio Oliveira Sales foi preso. Segundo a Brigada MIlitar, ele confessou que sua quadrilha atacaria duas agências bancárias e uma lotérica do pequeno município, de pouco mais de 10 mil habitantes.

O inspetor ressalta que os itens apreendidos aumentavam muito o poder de alcance das armas.

— Esta arma pode ter no máximo 18 tiros. Com o carregador com prolongador, dobra a capacidade, pode atirar mais de 35 tiros sem precisar recarregar. São pistolas de alta precisão. No mercado brasileiro, só importadas por armeiros legalizados. Essa arma deve ter entrado ilegalmente no País — avalia o chefe de comunicação da PRF.

Eles foram levados à polícia civil de Cruz Alta e depois encaminhados ao presídio local.

Fonte: Rádio Alto Uruguai - GaúchaZH

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados