Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Avançam as obras do Hospital Regional de Palmeira das Missões

Apesar da pandemia, entrega parcial da estrutura pública de saúde deve ocorrer em 2022 e ficar totalmente pronta em 2025

15 de maio de 2020
O HPR está sendo construído numa área nas margens da BR 468 (Foto: Pedro Júlio Possamai / Divulgação)

Os trabalhos de construção do Hospital Público Regional (HPR) seguem no município de Palmeira das Missões. São 238 pessoas trabalhando na obra federal, localizada no km 1 da BR 468.

Segundo o coordenador de implantação do HPR, Gesiel Serra, as obras iniciaram há quase um ano. “Devido ao coronavírus a empresa tomou todas as medidas necessárias de proteção e distanciamento em favor dos trabalhadores, as quais são fiscalizadas pelo Centro de Operações Emergenciais (COE) e pela Secretaria Municipal de Saúde”.

Gesiel informa que neste mês foram concluídas as estruturas dos blocos do auditório, internação adulto e infantil, recepção, ambulatório e emergência. O HPR terá 224 leitos no total, sendo 39 de UTI, 180 de internação e cinco berçários para cuidados intermediários. A casa de saúde regional atenderá especialidades médicas como traumatologia e ortopedia, neurologia, obstetrícia, oncologia, urologia, cardiologia, hemodiálise, entre outras. Além disso, a comunidade terá à disposição os serviços de diálise, patologia clínica, agência transfusional, fisioterapia e quimioterapia.

O prefeito de Palmeira das Missões, Eduardo Russomano Freire, diz que a construção do HPR está orçada em R$ 115 milhões, sendo R$ 111 milhões garantidos através de convênio firmado entre o município e o Ministério da Saúde. A contrapartida do município é de R$ 4 milhões entre obra e fiscalização.

O Plano Operativo cita que a casa de saúde deverá entrar em funcionamento de forma parcial em 2022, com estimativa de cinco anos para a implementação de toda a sua capacidade. “Este é um sonho que aos poucos se torna realidade, numa área extremamente sensível que é a saúde”, disse Freire.

Fonte: Correio do Povo

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2020 ® - Todos os direitos reservados