• Fones: (55) 3522-2440 - Três Passos / (55) 3525-1212 - Humaitá
Campo obrigatório!

17/02/2017 - Lasier lamenta ter assinado PEC sem ler: "Foi um terrível lapso"

Texto do senador Romero Jucá blindaria os presidentes da Câmara e do Senado de investigações

Uma prática entre os colegas de Senado causou constrangimento ao senador Lasier Martins (PSD). Ele afirmou nesta quinta-feira que assinou “por engano” a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do senador Romero Jucá (PMDB) que blindaria os presidentes da Câmara e do Senado de investigações a respeito de fatos anteriores ao mandato.

 

Ele se desculpou ontem na tribuna e garante que os eleitores conhecem o posicionamento anti-corrupção defendido por ele. “Foi um lamentável, terrível lapso. Há uma tradição de coleguismo dentro do Senado em que damos o “apoiamento” aos colegas que apresentam PEC. Veio uma moça solicitando a assinatura e assinei sem ler. Tentei cancelar minha assinatura quando percebi o absurdo da proposta, mas já não era possível. Um presidente tem que responder e todos sabem do meu posicionamento de combate à corrupção”.


Lasier disse que aprendeu a lição e não assinará mais propostas dos colegas sem a realização de uma leitura prévia. A proposta de Jucá acabou sendo arquivada devido à má repercussão que causou a tentativa de manobra.

 

O senador está atuando na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) desde que saiu do PDT para o PSD. Além da discordância em relação aos posicionamentos do presidente nacional pedetista, Carlos Lupi, a cadeira na CCJ foi determinante para a mudança de partido. Com as discussões relacionadas à reforma da Previdência, Lasier disse hoje que vai apresentar emendas à proposta. “Vou propor redução da idade para obtenção da aposentadoria integral para 40 ou 42 anos de atividade. Se aposentar com 49 anos é uma proposta inviável”, ressaltou.

 

Fonte: Correio do Povo